Oscar revela ser são-paulino e se diz ansioso para bater Timão no Mundial

Posted on setembro 28, 2012 por

0


https://i0.wp.com/s2.glbimg.com/zEB1MXlwMxLTLpZq34fgmOn0urzZgChr9EP3bbOZ6igTnka63CeYPhgTXr28Y6nP/s.glbimg.com/es/ge/f/original/2012/09/19/oscar_reu1024.jpg

Ainda se adaptando ao Chelsea e à vida nova em Londres, o meia Oscar revelou, em entrevista à TV Globo, que era são-paulino quando criança e, por conta disso, terá uma motivação a mais numa possível decisão do Mundial de Clubes contra o Corinthians, em dezembro, no Japão.

Oscar, que foi revelado no São Paulo, mas deixou o clube em litígio judicial rumo ao Internacional, já disputou o torneio com o clube gaúcho, em 2010. Mas acabou falhando – o time foi eliminado pelo Mazembe, do Congo, nas semifinais

Quando eu era pequeno, era são-paulino, então vai ter essa rivalidade”
Oscar

– Estou ansioso para jogar contra o Corinthians. Quero jogar o Mundial mais uma vez. Fui com o Inter e acabei perdendo. Quero ganhar o Mundial – disse Oscar, em seu apartamento num condomínio na Zona Sudoeste de Londres, onde moram diversos jogadores do Chelsea

– Quando eu era pequeno, era são-paulino, então vai ter essa rivalidade. Seria muito gostoso jogar contra um time brasileiro, ainda mais contra o Corinthians, um dos melhores do Brasil – emendou o jogador, deixando evidente sua vontade de enfrentar o Timão na decisão do Mundial.

Oscar diz estar ainda em processo de adaptação ao estilo do futebol inglês, mas seu começo parece promissor.

– Estaria mentindo se dissesse que estava preparado para chegar num dos grandes clubes do mundo e, em duas semanas, já virar titular – disse Oscar.

Logo no primeiro jogo na Liga dos Campeões, diante do Juventus de Turim, há duas semanas, o meia fez dois gols – incluindo um golaço de fora da área, após meia-lua num adversário. Segundo o comentarista Caio Ribeiro, da Rede Globo, o drible foi “sem querer”. Oscar confirmou que não era mesmo sua intenção dar a meia-lua no zagueiro.

– Às vezes os belos gols saem do acaso – disse ele, rindo.