Para Saimon, Grêmio voltou a ser respeitado pelos adversários

Posted on setembro 15, 2011 por

0


 

Zagueiro acredita que equipe tem capacidade para buscar uma vitória sobre o Vasco em São Januário

A sequência de boas atuações e as três vitórias consecutivas do Grêmio no Brasileirão dão confiança ao grupo de jogadores. O próximo confronto, contra o Vasco, no sábado, exige cuidados, mas não tira a motivação da equipe de conquistar mais três pontos. Para o zagueiro Saimon, o Tricolor já não entra mais em campo desacreditado, como há pouco tempo acontecia.

— É um jogo complicado, mas é um jogo bom. Pela nossa boa sequência, o Vasco vai jogar, mas também vai nos respeitar bastante. Nossas vitórias nos deram confiança. Antes a gente tinha tropeços, e os times até mesmo aqui no Olímpico não vinham nos respeitando. Nossa boa fase voltou e temos condições de conseguir a vitória lá — analisou.

O Vasco briga pelo título. É o segundo colocado na tabela, com 42 pontos. O Grêmio, lutando para subir a cada rodada, está em 12º, com 30.

Ao mesmo tempo em que a confiança impera no vestiário, o grupo sabe que precisa manter os pés no chão. Os tropeços dos primeiros na classificação servem de exemplo. Corinthians, o próprio Vasco, São Paulo e Botafogo não venceram seus jogos na rodada anterior.

— O campeonato cada vez mais afunila, os pontos estão cada vez mais próximos. O salto alto não pode existir aqui. Temos que trabalhar para conseguir as vitórias, e agora que conseguimos temos que trabalhar mais forte para conseguir ainda mais — destacou.

Contra o Vasco, o Grêmio ainda tem um tabu para quebrar. Desde 1994 o time gremista não vence o adversário no Rio de Janeiro, pelo Brasileirão. Naquele ano, a vitória gremista foi de 2 a 0, no Maracanã. Em São Januário, palco da partida de sábado, o período aumenta para 18 anos. Em 1993, o Tricolor ganhou por 4 a 2.

Posted in: Futebol